Ministério Público critica juiz Ivo Rosa por não levar marroquino a julgamento por terrorismo

O Ministério Público também está descontente com o facto de o juiz Ivo Rosa não ter considerado os depoimentos de testemunhas em França — país onde um dos jovens alegadamente recrutados por Tazi, Hicham el Hanafi, foi detido por estar a preparar um atentado contra a Disneyland Paris.
O pai de Hanafi foi uma das testemunhas, tendo declarado que foi Abdessalam Tazi quem recrutou o seu filho e “lhe meteu na cabeça as ideias terroristas“. Ora, o Ministério Público entende que este e outros testemunhos deviam ter sido levados em conta por Ivo Rosa para levar o marroquino a julgamento por crimes ligados ao terrorismo. “Por muito menos existem condenados na UE a penas pesadas de prisão

Mensagens populares