Morreu Amadeu Ferreira, amante da língua mirandesa

Natural de Sendim, concelho de Miranda do Douro, Amadeu Ferreira, morreu de doença prolongada. Lutador por natureza foi sempre um homem de convicções e princípios. Na doença lutou até ao fim, sempre com a energia que o caracterizava. Uma energia positiva. Escreveu vários livros e chegou a traduziu varias obras para mirandês, como Os Lusíadas, de Luis de Vaz de Camões, Mensagem de Fernando Pessoa, entre outras obras, como dois volumes de Astérix

Comentários

Mensagens populares