O direito a uma habitação condigna até está constitucionalmente garantido... (*)

A ideia foi apresentada por António Ribeiro e acolhida pelos restantes membros do movimento, que há cerca de um ano se reúne todas as terças-feiras na Casa da Rua, comunidade de inserção da Santa Casa da Misericórdia do Porto. Não havia naquela sala quem não o percebesse quando, a 28 de Novembro, disse que não podia fazer vida só com o rendimento social de inserção (RSI).   "Queremos fazer lembrar o Estado das obrigações que tem para com as pessoas", diz o homem de 64 anos, a quem os outros tratam por "senhor". Parece-lhe que está "tudo esquecido" e que "o Estado não se pode esquecer". Menciona a Constituição da República, a Convenção Europeia dos Direitos Humanos, a Declaração Universal dos Direitos Humanos, que o país subscreveu.  

(*) mas, no lugar, só quem pode pagar a grandes advogados vê os seus constitucionais direitos defendidos e protegidos...

Comentários

Mensagens populares