O rapazinho bem comportado

que oferece metade dos impostos que sacou para pagar juros (meros juros, senhor@s!) da dívida (para Portugal ser tido como "bom pagador" e as empresas - de que boys e girls serão administradores quando abandonarem os gabinetes - possam disfrutar "à ganância" esse prestígio - construído à custa do "sangue, suor e lágrimas" dos outros - do "bom pagador").

Comentários

Mensagens populares