Em Homs ainda se morre de fome com a ajuda pronta para entrar

“Se não morrermos dos bombardeamentos ou dos snipers, vamos morrer de fome ou de frio

Comentários

Mensagens populares