O previsível resultado de décadas de corrupção de Estado

um país com um número avassalador de idosos – mais de dois milhões –, muitos dos quais a viver sozinhos e a sobreviver com uma pensão inferior ao salário mínimo nacional. Um país onde o rendimento médio das famílias (a preços constantes) baixou para 27.811 euros no ano passado, quase menos mil euros do que em 2011, e onde o número de pensionistas com reformas inferiores ao salário mínimo nacional está perto dos 1,5 milhões.

Mensagens populares