Um a um até ao último *

O general Daoud Rajha, ministro da Defesa sírio; o seu "vice" e cunhado de Bashar al-Assad, general Assef Shawkat, e Mohammad Ibrahim al-Shaar, ministro do Interior, foram mortos pelos rebeldes ao quarto dia consecutivo de combates no centro de Damasco.


* se  forem utilizadas armas químicas o "ocidente" e a Turquia devem invadir a Síria em apoio dos "rebeldes".

Mensagens populares